segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Aves Cuculiformes e Opisthocomidae

Cuculiformes

Cucos


Cuculidae é uma família de aves cuculiformes conhecidas pelo nome vulgar de cucos, corredores ou sacis. O grupo está mais diversificado na Europa e Américas. Os cucos alimentam-se de insetos. A maioria das espécies do Velho Mundo são parasitas e põem seus ovos nos ninhos de outras aves.

A mãe cuco deposita o seu ovo num ninho de outra espécie, que o tratará como qualquer outro dos seus ovos. A mãe de "acolhimento" não dá pela diferença. Como o cuco tem pouco tempo de gestação nasce antes dos outros ovos e, para ganhar espaço, os expulsa do ninho. Os pais continuam a alimentar o cuco sem darem pela diferença. Quando o cuco atinge a maturidade, é já bastante maior que os seus pais adotivos e sai do aconchego do ninho.

Cuco
(Cacomantis Castaneiventris)

Cacomantis castaneiventris é uma espécie de ave da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: Austrália, Indonésia e Papua - Nova Guiné.
Os seus habitats naturais são: florestas secas tropicais ou subtropicais e florestas de mangal tropicais ou subtropicais.



Cuco
(Cacomantis Flabelliformis)

Cacomantis flabelliformis é uma espécie de ave da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: Austrália, Fiji, Indonésia, Nova Caledônia, Nova Zelândia, Papua - Nova Guiné, Ilhas Salomão e Vanuatu.
Os seus habitats naturais são: florestas temperadas, florestas de mangal tropicais ou subtropicais e regiões subtropicais ou tropicais úmidas de alta altitude.

Ficheiro:Cacomantis flabelliformis.jpg

Cuco
(Cacomantis Heinrichi)

Cacomantis heinrichi é uma espécie de ave da família Cuculidae.
É endêmica da Indonésia.
Os seus habitats naturais são: florestas subtropicais ou tropicais úmidas de baixa altitude e regiões subtropicais ou tropicais úmidas de alta altitude.
Está ameaçada por perda de habitat.

Ficheiro:Plaintive Cuckoo (Immature) I IMG 7627.jpg

Cuco-Terrestre
(Carpococcyx Renaldi)

Carpococcyx renauldi é uma espécie de ave da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: Camboja, Laos, Tailândia e Vietname.
Os seus habitats naturais são: florestas subtropicais ou tropicais úmidas de baixa altitude.

Ficheiro:Carpococcyx renauldi.jpg

Cuco
(Chrysococcyx Basalis)

Chrysococcyx basalis é uma espécie de cuco da família Cuculidae.
Pode ser encontrado desde a Austrália até ao Sudeste da Ásia. A espécie era anteriormente conhecida pelo nome científico Chalcites basalis.

Ficheiro:Horsfield's Bronze-Cuckoo Capertee.JPG

Cuco-Esmeraldino

O Cuco-esmeraldino ou ossobô (em São Tomé e Príncipe), Chrysococcyx cupreus, é uma espécie de cucos da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: África do Sul, Angola, Botswana, Burundi, Camarões, Costa do Marfim, Eritreia, Etiópia, Gabão, Gambia, Gana, Guiné, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Libéria, Malawi, Mali, Moçambique, Namíbia, Nigéria, Quênia, República Centro-Africana, República do Congo, República Democrática do Congo, Ruanda, São Tomé e Príncipe, Senegal, Serra Leoa, Sudão, Suazilândia,Tanzânia, Togo, Uganda, Zâmbia e Zimbabwe.



Cuco-Esmeraldino-Asiático

Chrysococcyx maculatus é uma espécie de ave da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: Bangladesh, Butão, Camboja, China, Índia, Indonésia, Laos, Malásia, Myanmar, Nepal, Sri Lanka, Tailândia e Vietname.
Os seus habitats naturais são: florestas subtropicais ou tropicais úmidas de baixa altitude e regiões subtropicais ou tropicais úmidas de alta altitude.




Ficheiro:Female Asian Emerald Cuckoo (Chrysococcyx maculatus) from rear.jpg

Cuco-Bronzeado-Menor

O Cuco-bronzeado-menor (Chrysococcyx klaas) é uma espécie de cucos da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: Angola, Benin, Botswana, Burkina Faso, Burundi, Camarões, República Centro-Africana, Chade, República do Congo, República Democrática do Congo, Costa do Marfim, Guiné Equatorial, Eritreia, Etiópia, Gabão, Gambia, Gana, Guiné, Guiné-Bissau, Quénia, Libéria, Malawi, Mali, Mauritânia, Moçambique, Namíbia, Nigéria, Ruanda, São Tomé e Príncipe, Senegal, Serra Leoa, Somália, África do Sul, Sudão, Suazilândia, Tanzânia, Togo, Uganda, Iémen, Zâmbia e Zimbabwe.

Ficheiro:Klaas's Cuckoo (Chrysococcyx klaas) 2.jpg

Cuco-Bronzeado-Brilhante

Chrysococcyx lucidus é uma espécie de cuco da família Cuculidae.
Pode ser encontrada na Austrália, Indonésia, Nova Caledônia, Nova Zelândia, Papua-Nova Guiné, Ilhas Salomão e Vanuatu.
Era anteriormente conhecida como Chalcites lucidus.

Ficheiro:Shining Bronze-Cuckoo Dayboro.JPG

 Cuco-de-Orelhas-Negras

Chrysococcyx osculans é uma espécie de cucos da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: Austrália, Indonésia e Papua-Nova Guiné.


Ficheiro:Black-eared Cuckoo imm bowra nov06.jpg

Cuco-Rabilongo

O cuco-rabilongo (Clamator glandarius) é uma ave da família Cuculidae. Grande, com uma pequena poupa e uma longa cauda, este cuco é uma ave discreta quando não canta.
Tal como o cuco-canoro é uma espécie parasita, que deposita os seus ovos nos ninhos de outras aves, especialmente de pega-rabuda.
O cuco-rabilongo distribui-se pelo sul da Europa e pela maior parte de África. Em Portugal é um visitante estival, pouco abundante, que ocorre, sobretudo de Fevereiro a Julho.


Cuco-Preto

O Cuco-preto (Cuculus clamosus) é uma espécie de cucos da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: África do Sul, Angola, Botswana, Burkina Faso, Burundi, Camarões, República Centro-Africana, Chade, República do Congo, República Democrática do Congo, Costa do Marfim, Guiné Equatorial, Eritreia, Etiópia, Gabão, Gâmbia, Gana, Guiné, Quénia, Libéria, Malawi, Mali, Moçambique, Namíbia, Nigéria, Ruanda, Senegal, Serra Leoa, Somália, Sudão, Suazilândia, Tanzânia, Togo, Uganda, Zâmbia e Zimbabwe.


Cuco-Canoro

O cuco-canoro (Cuculus canorus) é uma ave pertencente à ordem Cuculiformes e à família Cuculidae. O nome "cuco" é onomatopaico e deriva do fato de o canto do macho ser composto por uma seqüência de duas notas, que soam como "cu-cu". Em Portugal o canto do cuco faz-se ouvir, sobretudo de finais de Março a meados de Junho.
É uma espécie parasita, o que significa que, em vez de construir ninho, deposita os seus ovos nos ninhos de outras aves, nomeadamente de pequenos insetívoros, como a ferreirinha-comum, o pisco-de-peito-ruivo e o rouxinol-pequeno-dos-caniços, entre outras espécies. As aves em cujos ninhos os ovos são colocados recebem o nome de hospedeiros e ficam com a tarefa de cuidar do jovem cuco até este ser independente.
O cuco é migrador: reproduz-se na Europa e inverna em África.

Ficheiro:Cuculus canorus2.jpg

Cuco-Africano

O Cuco-africano (Cuculus gularis) é uma espécie de cucos da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: Angola, Benim, Botswana, Burkina Faso, Camarões, República Centro-Africana, Chade, República do Congo, República Democrática do Congo, Costa do Marfim,Djibouti, Eritreia, Etiópia, Gabão, Gâmbia, Gana, Guiné-Bissau, Quénia, Libéria, Malawi, Mali, Mauritânia, Moçambique, Namíbia, Níger, Nigéria, Ruanda, Senegal, Serra Leoa, Somália, África do Sul, Sudão,Suazilândia, Tanzânia, Togo, Uganda, Zâmbia e Zimbabwe.

Ficheiro:African Cuckoo.jpg

Cuco-Pequeno

O Cuco-pequeno (Cuculus poliocephalus) é uma espécie de cucos da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: Bangladesh, Butão, China, República Democrática do Congo, Hong Kong, Índia, Japão, Quénia, Coreia do Norte, Coreia do Sul, Laos, Malawi, Myanmar, Nepal, Paquistão, Rússia, Seychelles, Somália, África do Sul, Sri Lanka, Tanzânia, Tailândia, Vietname, Zâmbia e Zimbabwe.


Cuco-Malgaxe

O Cuco-malgaxe (Cuculus rochii) é uma espécie de cucos da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: Burundi, República Democrática do Congo, Madagáscar, Malawi, Ruanda, África do Sul, Uganda e Zâmbia.


Cuco
(Cuculus Pallidus)

Cuculus pallidus é uma espécie de ave da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: Austrália, Ilha Christmas, Indonésia, Nova Zelândia e Papua-Nova Guiné.
Os seus habitats naturais são: florestas secas tropicais ou subtropicais e florestas de mangal tropicais ou subtropicais.


Ficheiro:Pallid Cuckoo immature.jpg

Papa-Lagarta

Coccyzus é um género de aves cuculiformes da família Coccyzidae, onde se classificam as nove espécies conhecidas de papa-lagarta. O grupo habita as Américas e algumas espécies são migratórias.
Os papa-lagartas são aves de médio porte, com 20 a 30 cm de comprimento. A plumagem é semelhante em todas as espécies, com o dorso castanho ou castanho-acinzentado e a zona do peito e barriga mais clara, de cor branca ou amarelada. O bico é relativamente comprido e um pouco encurvado. A cauda é longa e muito característica do grupo, com manchas brancas na face ventral. As asas são arredondadas.

Papa-Lagarta-de-Papo-Ferrugem
(Coccyzus Pumilus)


Papa-Lagarta-Cinzento
(Coccyzus Cinereus)


Papa-Lagarta-de-Euler
(Coccyzus Euleri)

Pearly-breasted Cuckoo (Coccyzus euleri)

Papa-Lagarta-Acanelado
(Coccyzus Melacoryphus)


Alma-de-Gato

O alma-de-gato (Piaya cayana) é uma ave cuculiforme da família Cuculidae, encontrada em matas e cerrados, de todos os países da América, que se localizam entre o México e a Argentina, incluídos evidentemente o Brasil. Ultimamente essa ave pode ser encontrada nos parques (p.ex. no campus da USP) e nos bairros nobres, cujas casas têm grandes jardins, em pleno centro da capital paulista. Também conhecido como alma-de-caboclo, alma-perdida, atibaçu, atingaú, atingaçu, atiuaçu, chincoã, crocoió, maria-caraíba, meia-pataca, oraca, pataca, pato-pataca, piá e picuã.
Tais aves medem cerca de 60 cm de comprimento, plumagem ferrugínea nas partes superiores, peito acinzentado, ventre escuro, cauda longa, escura e com as pontas das retrizes claras, bico amarelo e íris vermelha.
Seu canto se assemelha ao gemido de um gato, por isto é conhecida como alma de gato. Percorre rápida e silenciosamente, em vôos de curta distância, os galhos da floresta à procura de insetos e frutas.
O ninho é construído com folhas, no formato de uma taça, escondido na vegetação densa. Nele a fêmea deposita dois ovos brancos em cada postura.

Ficheiro:ALMA-DE-GATO (Piaya cayana).jpg

Chincoã-Pequeno

O chincoã-pequeno (Piaya minuta) é uma ave cuculiforme da família Cuculidae.
Mede aproximadamente 28 cm de comprimento. Vive em beira de mata densa, ocorrendo desde as Guianas e Colômbia até a Bolívia. No Brasil é encontrado na Região Norte até o Maranhão, Goiás, Mato Grossoe Mato Grosso do Sul.





Chincoã-de-Bico-Vermelho

O chincoã-de-bico-vermelho (Piaya melanogaster) é uma espécie de ave da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: Bolívia, Brasil, Colômbia, Equador, Guiana Francesa, Guiana, Peru, Suriname e Venezuela.
Os seus habitats naturais são florestas subtropicais ou tropicais úmidas de baixa altitude.


Anu-Preto

Anu-preto (Crotophaga ani) é uma ave da família Crotophagidae que ocorre da Flórida à Argentina e em todo o Brasil. Gosta de sol e toma banho na poeira, ficando a plumagem às vezes com a cor da terra ou de cinza e carvão. Para se aquecerem aglomeram-se em bandos desordenados, geralmente formados por 7 a 15 indivíduos. Vive nas paisagens abertas com moitas e capões entre pastos e jardins Não voa bem em lugares muito abertos, pois é lento, mas é bem adaptado para voar em áreas de mata não muito fechadas ou mistas com campos. Sempre andam em pequenos bandos, até 5 a 7 aves que voam de um lugar para o outro (no máximo uns 50m), sempre saindo primeiramente o líder e logo após os outros do bando. No Rio Grande do Sul é uma ave muito discreta, freqüentemente vista, mas que não aparece em áreas habitadas. Esta ave possui uma beleza diferenciada, quando se observa seu vôo lento e harmonioso dentro de uma mata, ou em áreas tipo savana.


Anu-Coroca
(Crotophaga major)


Anu-Branco
(Guira Guira)

Ficheiro:Guiraguira.jpg

Peixe-Frito-Pavonino

O peixe-frito-pavonino (Dromococcyx pavoninus) é uma espécie de ave da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: Argentina, Bolívia, Brasil, Equador, Guiana Francesa, Guiana, Paraguai, Peru e Venezuela.
Os seus habitats naturais são: florestas subtropicais ou tropicais úmidas de baixa altitude e regiões subtropicais ou tropicais úmidas de alta altitude.


Saci-Faisão

Saci-faisão ou peixe-frito-verdadeiro (Dromococcyx phasianellus) é uma ave da ordem Cuculiformes, família Cuculidae. Habita nas florestas tropicais e subtropicais de muitos países, incluindo o Brasil.

Pheasant Cuckoo (Dromococcyx phasianellus)

Papa-Léguas

Geococcyx californianus, conhecido popularmente como papa-léguas, é uma ave da família Cuculidae.
O papa-léguas mede cerca de 56 cm de comprimento, com envergadura de 49 cm. Apresenta uma faixa branca na região pós-ocular, uma pequena crista no alto da cabeça e uma longa cauda. Ambos os sexos são semelhantes, sendo o macho um pouco maior.
Habita desertos dos sudoeste dos Estados Unidos e norte do México. Durante o século XX, sua ocorrência expandiu-se para o sul de Missouri e o oeste da Louisiana. É a ave símbolo do Novo México.
Alimentam-se principalmente de insetos, pequenos répteis, aranhas, escorpiões, pequenos pássaros e roedores. Pode atingir a velocidade de até 30 km/h em terra.




Saci



O saci (Tapera naevia) é uma ave cuculiforme, cuculídea, típica do Brasil, onde recebe diversas denominações para as duas espécies: Saci, crispim, fenfém, peitica, saitica, peito-ferido, peixe-frito, piririguá, roceiro-planta, sede-sede, seco-fico, sem-fim e tempo-quente.
Suas penas são de cor pardo-amarelada e várias manchas escuras na parte superior das asas. O topete é avermelhado e manchado em tons claros e escuros; o peito, abdome e sobre os olhos a cor é branca.
É uma ave insetívora e sua postura costuma ocorrer em ninhos alheios, da espécie do joão-teneném.


Saci-Faisão

Saci-faisão ou peixe-frito-verdadeiro (Dromococcyx phasianellus) é uma ave da ordem Cuculiformes, família Cuculidae. Habita nas florestas tropicais e subtropicais de muitos países, incluindo o Brasil.

Ficheiro:Pheasant Cuckoo 2396619159.jpg

Peixe-Frito-Pavonino

O peixe-frito-pavonino (Dromococcyx pavoninus) é uma espécie de ave da família Cuculidae.
Pode ser encontrada nos seguintes países: Argentina, Bolívia, Brasil, Equador, Guiana Francesa, Guiana, Paraguai, Peru e Venezuela.
Os seus habitats naturais são: florestas subtropicais ou tropicais úmidas de baixa altitude e regiões subtropicais ou tropicais úmidas de alta altitude.




Jacu-Estalo



O jacu-estalo (Neomorphus geoffroyi) é uma ave cuculiforme, da família dos cuculídeos encontrada em matas altas da América Central à Bolívia e parte do Centro-Oeste e Sudeste do Brasil. A espécie chega a medir até 51 cm de comprimento, com um largo topete azul-escuro, o dorso oliváceo e uma faixa triangular azul atrás dos olhos. Emite forte estalo, batendo as mandíbulas, semelhante ao produzido pelo porco-do-mato.

Rufous-vented Ground-cuckoo (Neomorphus geoffroyi)


Opisthocomidae

Jacu-Cigana

O jacu-cigano ou cigana (Opisthocomus hoazin) é uma ave nativa da zona Norte da América do Sul. O seu habitat são as zonas pantanosas e alagadas das bacias hidrográficas do Amazonas e Orinoco. A cigana é a única espécie da família Opisthocomidae, género Opisthocomus. Também é conhecido pelo nome de cigana.
A cigana é uma ave de estatura semelhante ao faisão, com 60 a 66 cm de comprimento, cauda e pescoço longos. A pele das faces é de cor azul, os olhos são vermelhos e a cabeça pequena termina numa crista de penas avermelhadas. A plumagem é castanho-claro, a cauda é bronze-esverdeada e termina numa banda branca.
A alimentação é herbívora e baseia-se em folhas de plantas leguminosas típicas do seu habitat, por vezes suplementada por frutos e flores. Este gênero de alimentação folívora é suportado por um sistema digestivo único na classe Aves, caracterizado pela presença de bactérias simbiontes no papo, que ajudam à decomposição da celulose das folhas ingeridas. Os juvenis são alimentados à base de secreções esofágicas e material regurgitado, rico nestas bactérias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário